quinta-feira, 13 de maio de 2010

Hip Hop é arte

O hip hop é um movimento cultural iniciado no final da década de 1970 nos Estados Unidos. Muito tempo já se passou desde de então, o movimento cresceu, se expandiu e hoje é uma realidade em diversos países. Sendo considerada cultura das ruas, o movimento reivindica espaço e voz para as periferias, traduzido nas letras questionadoras e agressivas, no ritmo forte e intenso e nas imagens grafitadas pelos muros das cidades, os desejos e medos de uma parcela da sociedade muitas vezes esquecida Em Juiz de Fora, mais que ser um movimento de revindicação a cultura hip hop ajuda a trazer para jovens e crianças uma oportunidade de alçar voos maiores. A Casa de Cultura Evailton Vilela é dos locais que oferecem toda a estrutura necessária para o interessado em se desenvolver nessa área faça isso da maneira mais fácil possível De acordo com o fundador da Casa de Cultura, Negro Bússula o hip hop ajuda a manter longe das “ruas” crianças que antes não tinham escolha. O projeto permite que os integrantes entrem em contato com a arte e assim evitam o crime e as drogas: “Não queria ver os problemas sociais e permanecer passivo diante deles” explica Negro Bússola quando perguntado sobre o que o motivou a iniciar a Casa de Cultura Para Adalgisa Anderson, moradora do bairro Ipiranga (próximo ao bairro Sta. Efigênia) assistido pela casa de cultura) o hip hop, assim como o funk, são pontos de diversão e retratam bem a realidade: “Acho muito legal, é um outro lado para nossas crianças, além de ser muito divertido, gosto principalmente das batalhas de dança” dis Batalhas de dança, espécie de enfrentamento lúdico de passos de dança, transformam a vida desses meninos e meninas em algo diferente, que agora reconhecem no hip hop uma saída.
video

Nenhum comentário:

Postar um comentário